325

Porto Alegre: Faixa em repudio ao genocídio contra xs palestinxs (Brazil)

Saímos das nossas casas para interromper um pouco com a indiferença normalizadora neste clima nojento de final da copa do mundo. Colocamos uma faixa na Avenida Borges de Medeiros, na mesma hora em que os torcedores caminharem para o ultimo festejo. Um festejo, o lembramos, banhado no sangue dxs assessinadxs, desaparecidxs e torturadxs “da copa”.

Enquanto xs cúmplices dessa desgraça caminham “felizes” pelas ruas, lembramos esses dias como dias de genocídio do “povo” palestino. Os livros de historia estão cheios de lembranças da segunda guerra mundial onde se ensina os massacres sofridos pelos judeus nos campos de concentração, hoje vemos como um povo que sofreu tanta desgraça a reproduz sobre outros, assassinando sem parar a quem se resigna a deixar sua casa e o seu território nas mãos dos seus opressores. Embora seja mais que repetido, não esta demais insistir no protagonismo do governo de estados unidos no genocídio palestino. Na guerra econômica levada a cabo por militares israelitas instrumentalizados pelo governo dos estados unidos, vão perdendo sempre os mesmos. Incomoda-nos ver como esses massacres estão sendo tão naturalizados e banalizados, voltando-se assim, totalmente “invisíveis” além da internet. As imagens sangrentas chocam “a população internacional” por minutos, talvez dias, mas são rapidamente esquecidas, trocadas por outras. Nessa ditadura do consumo, até os genocídios se consumem…

A faixa, pintada de vermelho como o sangue derramado, tanto aqui no Brasil pelas obras da copa, como lá na Palestina, diz: “Sionismo = Nazi, Israel Genocida”.

Hoje, ficamos sabendo também de um golpe repressivo contra os movimentos sociais no Rio de Janeiro, onde a policia prendeu 20 pessoas e busca ainda mais nove para trancar nas suas sujas cadeias e assim manter uma imagem de “paz social”, imagem construída pelo terrorismo de estado e alimentada pelo espetáculo da mídia. Aproveitamos então, para mandar o nosso apoio às pessoas que foram presas ontem e hoje no Rio, nossa força também axs foragidxs: que as sombras os acompanhem!

Morte aos estados e viva a anarkia!

Tags: , ,

This entry was posted on Tuesday, July 15th, 2014 at 12:12 am and is filed under Anti-Fascist.